29- Porquê me importaria?

    Não importa se nunca falei contigo ou se não sei nome, e muito menos importa se realmente gosto de ti.
    Por que sei que quando te vejo meu corpo não fica normal. Ele me rejeita, me considera um fraco.
    Um idiota completo.
    Não importa se alguns amigos meus ficam zombando da minha cara por gostar de você, eu não me importo.
    Aliás, por quê me importaria com completas besteiras? Por completas idiotices.
    Tudo isso para mim é normal, sempre foi, por que agora não seria? Por quê iria me importar com isso?
    Eu não me preocupo com você, não quero mais aumentar essa chance que vai se esvaindo todos os dias.
    O dia é claro e a noite é escura, mas para mim tudo fica ao contrário.
    A noite é um dilúvio de felicidades para mim, o dia é um dilúvio de tristezas sabendo que irá se passar 12 horas para eu poder te ver.
    E o mês inteiro se passa e eu sem nenhuma novidade de você, começo a gostar de uma outra pessoa, e você aparece de novo, arrancando meu coração para a sua direção outra vez, inexplicavelmente.
    Eu sei, é fácil aprender a amar, difícil esquecer, o amor é algo instantâneo, outra vezes, ou melhor, raras vezes, é algo demorado, que se passa algum tempo para percebemos que amamos uma pessoa.
    Eu sei que vou sofrer de hoje em diante, não quero ficar com ninguém, somente você.
    Então irei olhar para frente e respirar fundo três vezes pois percebi que não vou conseguir isso e dizer: AGORA EU ME FUDI.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

0 comentários:

Postar um comentário

Meus Seguidores: